Microcrédito do BNB está sob ameaça do Governo Bolsonaro

Microcrédito do BNB está sob ameaça do Governo Bolsonaro

Escrito em 12/11/2021

Em mais um ataque contra o Banco do Nordeste, o Governo Bolsonaro está colocando em risco o Crediamigo e o Agroamigo, as duas maiores linhas de microcrédito ofertadas pelo BNB para o desenvolvimento econômico e social da região Nordeste.

Além de demitir funcionários do alto escalão do banco público por considerá-los opositores políticos, ignorando o excelente desempenho dos demitidos, Bolsonaro quer, agora, retirar o Instituto Nordeste Cidadania (Inec) da operacionalização do Crediamigo e do Agroamigo, o que pode ferir de morte os dois programas.

“Essas demissões ideológicas e, agora, a ameaça de remover o Inec colocam em risco o microcrédito, que – há 22 anos – tem feito a diferença na economia do Nordeste. O que Bolsonaro quer, na verdade, é acabar com o Crediamigo e com o Agroamigo, que geraram a inclusão e a democratização do crédito na região nordestina, prejudicando, assim, o BNB para beneficiar os bancos privados, que estão de olho no bilhões do microcrédito operacionalizados pelo Banco do Nordeste em parceria com o Inec. Não vamos permitir esse ataque sem luta” – afirmou o diretor do SEEB-MA, Gilberto Alves.